Dor muscular pós treino

Dor muscular pós-treino é um fato completamente normal em praticantes de musculação e é uma resposta natural do organismo, em alguns casos podendo atrapalhar sua rotina de treino, o que gera algumas dúvidas.

Quando treinamos um grupo muscular, este sofre microlesões que posteriormente precisam se recuperar, fazendo com que o grupo muscular se desenvolva e esteja mais forte para uma próxima sessão de treinamento.

Estas microlesões causam uma resposta inflamatória por parte do organismo, que é a principal responsável pela dor após uma sessão de musculação, podendo surgir até 6 horas depois do último treino e durar de 24 a 72 horas ou mais, dependendo da intensidade que o grupo muscular foi treinado.

É possível que aconteçam mais de um estímulo para o grupo muscular na mesma semana, dependendo da divisão da rotina de treinos que o praticante esteja seguindo. Sendo assim, pode ser que em uma próxima sessão de treino o músculo ainda esteja dolorido.

Se o desconforto muscular não for muito grande, tudo bem se o praticante repetir o treino, isso não prejudicará sua recuperação. Pelo contrário, isso fará com que seu corpo se adapte melhor e suporte treinos mais frequentes.

A não ser que a dor cause um grande desconforto ao ponto de impedir que o treino aconteça, é ideal dar um dia a mais de descanso, evitando danos mais graves para seu corpo.

Como falado anteriormente, a dor muscular pós-treino é uma resposta natural do organismo. Sendo assim, temos algumas alternativas para acelerar o processo de recuperação muscular e amenizar esse desconforto como: consumir a quantidade de proteínas adequadas para seu organismo, se hidratar corretamente, adicionar suplementação alimentar se necessário, alongamentos e atividades físicas leves também podem auxiliar, assim como compressas quentes e/ou frias.

O uso de anti-inflamatórios e relaxantes musculares para aliviar as dores no músculo não são o ideal. O organismo precisa se recuperar sozinho para que as fibras musculares se regenerem cada vez mais fortes e preparadas para novos estímulos. Quando fazemos o uso destes artifícios, este processo natural do corpo humano é retardado, podendo ser prejudicial a longo prazo.

Se as dores persistirem por mais de 10 dias, procure ajuda de um profissional para descobrir o motivo.

Lembre-se de sempre consultar um Personal Trainer para que seus resultados sejam otimizados através de uma periodização de treinos feita de acordo com sua individualidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Podemos Ajudar?
Precisa de Ajuda?
Powered by